19 de abril de 2011

... y mira lo en serio que me lo tomo...


Vivo trocando tudo de lugar, comprando coisas, arrumando os cds, livros e dvds nas estantes. Claro que nunca está como eu quero. O neurótico decorativo, como diria Astrud, habita o meu ser.

Comprei esse globo de opalina com boca de 9 cm por três reais em uma dessas feiras de caridade. Meio que não tinha o que fazer com ele, mas quem resiste ao palco da Kylie Showgirl? (Temos outro bojo verde do mesmo modelo no teto da sala de estar. Todas adora!)

Pedi para o meu pai fazer uma base e adorei o resultado! A base era para ficar escondida, mas ficou tão boa que acabou em destaque em uma das estantes da sala - original dos anos 1950 herdada da vó-sogra.

Agora, nossa pequena nova luminária empresta sua luz aos livros de cinema e de quadrinhos.

O vaso é da Brickell, o sapo é de um freeshop do Chuy, a lata rosa é biscoitos japoneses trazida pelo maridão, o livrão preto é a coleção Locas do Love and Rockets, importado via Amazon.

Será que estou lendo revistas de decoração em demasia?!

1 comentario:

Jack dijo...

ficou lindo.